Clareamento em 3,2,1… a tempo de curtir o verão!

Capa Portugues 1208x423

Por Valentina Flores

Quando se fala em clareamento dental, muitas dúvidas surgem: Todo mundo pode fazer clareamento?  Qual é a diferença do clareamento de consultório para o clareamento caseiro? Quanto tempo dura uma sessão? Clareamento causa sensibilidade?

São muitas dúvidas – ou melhor, eram! Meu nome é Valentina Flores e vou compartilhar com vocês como foi meu processo de clareamento ????

Bom, eu sempre quis ter dentes alinhadinhos e bem bonitos, com aquela cara de natural. Usei aparelho ortodôntico por um bom tempo, mas quando me via nas fotos sentia que meu sorriso poderia ser melhor.

Eu sabia que o que faria eu me apaixonar de verdade pelo meu sorriso seria o clareamento, por isso nesse fim de ano tomei uma decisão: começar 2020 com o sorriso que eu sempre quis.

Será que ainda dá tempo?

Comecei minha busca pelo clareamento consultando a Dra. Andreia, que é uma profissional super qualificada da minha cidade e em quem eu sabia que poderia confiar.

Expliquei para ela que, apesar dos meus dentes não serem muito amarelos, eu tinha muita vontade de deixá-los mais brancos. E o mais importante: eu queria resultados a tempo de curtir o fim de ano!

Ela foi muito atenciosa comigo e disse o que eu mais queria escutar: que eu poderia fazer o clareamento sim e ter bons resultados em um curto espaço de tempo!

Antes de começarmos o clareamento dental realizamos a limpeza (profilaxia) para garantir que meus dentes estivessem livres de tártaro e prontos para receber o gel clareador. Também fizemos a tomada de cor, que é a identificação da cor do meu dente de acordo com uma escala que dentistas de todo o mundo usam.

Como eu queria resultados rápidos, definimos que eu faria a técnica associada de clareamento, ou seja, o clareamento de consultório associado ao clareamento caseiro.

Tudo pronto para começar!

A Dra. Andreia me explicou que existem vários clareadores disponíveis e a diferença entre eles é basicamente a concentração e a forma de apresentação. No meu caso, ela optou por utilizar o Whiteness HP Maxx, um clareador à base de peróxido de hidrogênio.

Para evitar qualquer tipo de sensibilidade ou desconforto, antes de começar a aplicação do gel clareador ela aplicou um gel dessensibilizante e também uma barreira gengival para garantir que o clareamento não irritasse minha gengiva.

Feito isso, começamos a aplicação do Whiteness HP Maxx.

Fotos Blog Relato 01 1 450x253

Funcionava assim: a doutora aplicava o gel nos meus dentes e após 15 minutos o produto mudava de cor, indicando que estava na hora de remover o gel e realizar uma nova aplicação.

Fizemos 3 aplicações de 15 minutos, seguindo a indicação de uso do clareador.

Confesso que mesmo com as orientações eu tinha dúvidas sobre como seria, mas o processo inteiro foi bem tranquilo e eu não senti dor ou desconforto em nenhum momento.

Tá, e o resultado!?

Lembram que fizemos a foto da cor inicial dos meus dentes? Depois que concluímos as 3 aplicações com o clareador fizemos uma nova tomada de cor e meu dente já havia clareado um tom em apenas 45 minutos. Dá para acreditar?

Clareamento caseiro

O resultado já foi bem legal, mas essa foi só a primeira sessão.

Teremos ainda mais uma sessão de consultório igual à essa na semana que vem e eu vou complementar o tratamento com o clareador caseiro.

O escolhido para o meu tratamento foi o Whiteness Perfect e a melhor parte é que posso usá-lo para dormir ou por até 4h, durante meu dia a dia. Assim é muito tranquilo conciliar com a minha rotina.

O tratamento continua!

Na semana que vem farei a próxima sessão no consultório e não vejo a hora de poder compartilhar com vocês o resultado final! ????

Continue acompanhando o blog da FGM, pois vou contar aqui tudo sobre essa semana e o resultado final. Fiquem ligados!

Email
LinkedIn
Telegram
Facebook
plugins premium WordPress

Selecione seu idioma

Select your language