Ambar Universal APS

Ambar Universal APS

Sistema adesivo fotopolimerizável autocondicionante para esmalte e dentina.

Selos

• Adesivo universal (uso sob diferentes protocolos de condicionamento ácido e em diferentes superfícies)
• Minimiza a sensibilidade pós-operatória
• Sistema APS: Excelente desempenho em qualquer nível de umidade dentinária. Perfeito para aplicação intracanal

Download de materiais

Sem Título 2 Prancheta 1 Cópia1

Benefícios

Elevada adesão em diferentes modos de aplicação: Condicionamento ácido total, condicionamento seletivo em esmalte e sem condicionamento ácido.

Adesão a diferentes tipos de superfície: Metais, cerâmicas, resina CAD/CAM e pinos intracanais.

Perfeito para aplicação intracanal:
• Altos índices de adesividade na região intracanal;
• Melhor polimerização, mesmo na região apical;
• Maior compatibilidade com cimentos duais.

MDP potencializado: No Ambar Universal APS, o MDP está mais reativo, o que foi conseguido por meio da redistribuição das concentrações entre solvente, água e monômeros acídicos. Essa maior reatividade aumenta a capacidade adesiva à dentina (principalmente sem condicionamento ácido prévio) e aos substratos indiretos, assim como uma melhor estabilidade da película adesiva.

BPA Free: Garantindo segurança e saúde.

Aspecto incolor: Não interfere na estética dos procedimentos de restauração e cimentação.

Indicações

Todas as classes de restaurações diretas com compósitos (classes I, II, III, IV e V).

Cimentação adesiva (em conjunto com cimento resinoso) de peças protéticas (pinos intracanais/núcleos, coroas, onlays/inlays, facetas, etc.) em fibra de vidro, compômero, cerâmicas condicionáveis e não condicionáveis, resina e metal.

Reparos adesivos em cerâmicas e compósitos.

Como primer para metal ou cerâmicas (condicionáveis e não condicionáveis).

Formas de apresentação

Embalagem contendo

• Frasco único com 5ml.

Embalagem contendo

• Frasco único com 5ml.

Passo a passo

Método Condicionamento Ácido Total (total-etch)

A superfície a ser restaurada deve ser limpa e então condicionada com ácido fosfórico a 37% Condac 37 (FGM) por 15 segundos somente em esmalte. É importante a obtenção de isolamento do dente, seja com isolamento absoluto ou com relativo eficiente (conforme o caso).condicionamento em ácido fosfórico 37%

Lave a superfície com água e seque a cavidade até que esteja úmida, não desidratada.Retirada do ácido fosfórico

Com auxílio de um microaplicador Cavibrush (FGM), o adesivo é aplicado esfregando a primeira gota do produto por 10 segundos. Em seguida, nova camada de adesivo é aplicada na mesma superfície por mais 10 segundos.Aplicação do adesivo com microaplicador cavibrush fgm

Aplica-se então jato de ar por 10 segundos, o que contribui para evaporação do solvente e, consequentemente, para o aumento da adesão.Evaporação do solvente

O adesivo deve ser fotopolimerizado por 10 segundos e então, procede-se a restauração. Obs: em aplicação intracanal do adesivo, o tempo de fotoativação deve ser estendido para 20 segundos.fotopolimerização do adesivo

Método de condicionamento seletivo em esmalte (seletive-etch)

A superfície a ser restaurada deve ser limpa e então condicionada com ácido fosfórico a 37% Condac 37 (FGM) por 15 segundos somente em esmalte. É importante a obtenção de isolamento do dente, seja com isolamento absoluto ou com relativo eficiente (conforme o caso).

Lave a superfície com água e seque a cavidade até que esteja úmida, não desidratada.

O adesivo é então aplicado na superfície dental com auxílio de um microaplicador Cavibrush (FGM). A primeira camada deve ser aplicada vigorosamente friccionando o microaplicador por 10 segundos. Em seguida, nova camada de adesivo é aplicada na mesma superfície por mais 10 segundos. Aplica-se então, jato de ar por 10 segundos, o que contribui para evaporação do solvente e, consequentemente, para o aumento da adesão.

O adesivo deve ser fotopolimerizado por 10 segundos e então, procede-se a restauração. Obs: em aplicação intracanal do adesivo, o tempo de fotoativação deve ser estendido para 20 segundos.

Método Autocondicionante (self-etch)
Não há necessidade de condicionamento ácido em esmalte ou dentina.

Com auxílio de um microaplicador Cavibrush (FGM), o adesivo é aplicado na superfície dental, esfregando a primeira gota do produto por 10 segundos. Em seguida, nova camada de adesivo é aplicada na mesma superfície por mais 10 segundos. Aplica-se então, jato de ar por 10 segundos, o que contribui para evaporação do solvente e, consequentemente, para o aumento da adesão.Image11 3 300x200

O adesivo deve ser fotopolimerizado por 10 segundos e então, procede-se a restauração. Obs: em aplicação intracanal do adesivo, o tempo de fotoativação deve ser estendido para 20 segundos.

Deve-se condicionar a superfície interna da peça com ácido fluorídrico (Condac Porcelana- FGM) e aplicar o agente silano (Prosil- FGM) antes da aplicação do adesivo na peça. Com auxílio de um microaplicador descartável (Cavibrush -FGM), aplique o adesivo na superfície interna da peça sob fricção, aguarde 15 segundos e então aplique um leve jato de ar durante 10 segundos.