Dentista, corra pela sua qualidade de vida!

A profissão de dentista vai muito além de trabalhar pelo bem-estar dos pacientes. Envolve cuidar da gestão do consultório, estar sempre em busca de novos conteúdos para manter seus conhecimentos atualizados com o mercado, informar-se sobre as últimas novidades e lançamentos de materiais, entre muitas outras funções que devem ser realizadas diariamente.

Os instrumentos de trabalho odontológicos evoluem constantemente, trazendo muitas facilidades para o profissional e seus pacientes, mas a adaptação corporal ainda não acompanha essa progressão.

Minha história: como passei a me dedicar pela minha saúde

842614 450x515

Dra. Maria Claudia Tureli

Após me formar em odontologia, trabalhei por 14 anos sem tirar férias. Minha rotina de trabalhar em oito consultórios e viajar para quatro cidades por semana me levou a desenvolver LER. Quando fui parar em um pronto-socorro e voltei para casa com uma tipoia e um colar cervical, finalmente entendi que já tinha passado da hora de ter mais atenção com a minha saúde.

Então, me matriculei em uma academia e comecei a praticar musculação sob a orientação de um educador físico. Iniciei do zero, superando-me aos poucos, de peso em peso, exercício a exercício, sempre respeitando meu corpo e minha mente. É assim que se conquista o aprimoramento e se mantém a motivação necessária para perceber o tanto que o organismo precisa da prática de atividade física.

A academia era pouco para mim; logo comecei a ter o desejo de me superar gradativamente. Criei coragem e pedi a um treinador que me ensinasse a correr na esteira. Após três meses decidi participar de uma prova de corrida noturna, com um percurso de seis quilômetros, e conquistei minha primeira medalha.

Motivação, ânimo, determinação e foco me trouxeram resultados surpreendentes, e foi assim que me tornei corredora de rua.

Para servir de inspiração a você, conheça um pouco mais da minha história: ao nascer, não chorei. Por isso, fui diagnosticada erroneamente com síndrome de Down. Apresentei uma luxação coxofemoral congênita, meu pescoço sofreu uma luxação durante o parto e por pouco não pude andar. Recém-nascida, ganhei um colar cervical e tive minhas duas pernas engessadas. Fui paciente da AACD (Associação de Apoio à Criança Deficiente), e meu caso foi considerado um milagre.

Hoje, após cinco anos praticando esse exercício físico, já participei de 50 provas com medalhas, seis meias-maratonas (provas de 21 km) e conquistei o pódio quatro vezes; em uma delas alcancei o primeiro lugar da minha categoria. E continuo me esforçando para alcançar ainda mais!

Com a minha história desejo mostrar a importância de se dedicar diariamente à sua saúde. Se você quer começar a correr e não sabe como, inspire-se com estas seis dicas que ajudarão a cuidar do seu corpo e garantir seu bem-estar.

1. Invista no fortalecimento muscular

Hamstring Stretching Position Whereupon Shed Bent Her Right Knee Leaned Forward 725x482 300x199

Monte um treinamento junto a um personal trainer, que indicará os exercícios ideais para a sua evolução e a forma correta de executá-los. Assim, você fortalecerá proteção dos músculos, articulações e tendões, prevenindo-se contra lesões e tornando-se um atleta mais eficiente e apto a praticar a corrida.

2. Alimente-se corretamente

A alimentação representa 70% da melhora do seu desempenho. Portanto, você deve ter o acompanhamento de um nutricionista, que recomendará uma dieta específica para manter a energia que você precisa para preparar seu corpo e melhorar sua performance nos treinos e provas de corrida.

Você deve comer bem para correr bem. Nada de fazer jejum ou comer qualquer alimento que encontrar pela frente só para ter energia. É a sua dedicação que levará você a alcançar resultados que, antes, nunca imaginou que pudesse conquistar.

3. Procure um treinador de corrida

Você precisa de um educador físico especializado em corrida para preparar seu treinamento. Não pense que são apenas os atletas de alta performance que têm treinadores; os corredores amadores também precisam da orientação de um profissional para organizar treinos e planejar suas provas.

Esse é o caminho para prolongar sua vida útil esportiva e ajudar você a correr para realizar seus sonhos esportivos.

4. Encontre o par de tênis ideal

Corrida 450x301

Você precisa de tênis confortáveis e que acompanhem as suas necessidades. Pisadas pronadas e supinadas – para dentro e para fora, respectivamente – precisam de calçados que neutralizem suas passadas.

Para todos os tipos de pisadas, mesmo a neutra, é indispensável que o par de tênis escolhido tenha amortecimento distribuído por toda a sola, desde o calcanhar até as pontas dos dedos.

5. Motive-se com um grupo de corrida

26796740322 6fa1b10841 B 300x200

Juntar-se a um time de corrida eleva sua motivação e alegra os treinos. Mas lembre que cada pessoa tem sua meta e um condicionamento físico próprio. Portanto, você deve respeitar o seu corpo para garantir sua evolução, sem comparar o seu desempenho com o de outros corredores.

A vantagem de fazer parte de um grupo está em ter companheiros para manter o ânimo e não desistir. Vocês podem se reunir em um parque, por exemplo, onde cada um seguirá sua planilha individual de treinos, elaborada por um profissional de educação física especificamente para a sua fisiologia corporal.

6. Tenha cuidados com a hidratação para não prejudicar a saúde bucal

Download

Estudos mostram que a ingestão de isotônicos para a reposição de sais minerais aumenta o risco de erosão dentária em atletas, devido a sua acidez. Já a ingestão de géis de carboidrato, suplemento rico em maltodextrinas e outros açúcares, utilizados para corridas de longa distância, aumentam a propensão a cáries.
Ainda, o excesso de esforço físico pode provocar o apertamento dentário e o bruxismo como válvula de escape emocional.

Atente-se e atualize-se quanto a esses riscos para preservar sua saúde bucal e a de seus pacientes. Afinal, com o recente aumento de atletas interessados pela corrida aumenta também a quantidade de pacientes praticantes desse esporte em seu consultório, em decorrência dos fatores citados acima.

Inspire-se com essas dicas para valorizar e cuidar do seu corpo, pois é ele quem leva você a todos os lugares, além de ser sua principal ferramenta para realizar as atividades do seu dia a dia e, especialmente, para realizar seus sonhos.

Lembre-se também de que, além de ter um corpo que lhe oferece bem-estar e qualidade de vida, é preciso ser feliz. Afinal, na alegria somos invencíveis!

Dra. Maria Claudia Tureli

Graduada, mestre e especialista em Odontopediatria pela FOP – Unicamp.

Responsável pelos perfis @dentistaquecorre e @dramariaclaudiatureli, no Instagram.

Email
LinkedIn
Telegram
Facebook
plugins premium WordPress

Selecione seu idioma

Select your language